Bus Ride Notes
Lançamentos / Playlists

Lançamentos de Abril

Sentiu esse cheiro? São eles, os singles recém saídos do forno que o Bus Ride Notes traz pra vocês hoje!

Tá uma época bem complicada, então o melhor que a gente pode fazer agora é aquietar o facho e ficar em casa ouvindo música, ou se você está tendo que trabalhar, aproveita e já escuta esses lançamentos no caminho (ou até no banheiro do seu local de trabalho, pra dar aquele migué no patrão).

Sem mais delongas, vamos a eles:

Andressa Nunes – AlgorID

Não faz muito tempo que a Andressa apareceu aqui no blog para uma entrevista. E ela já está de volta para abrir nossa lista! (Até rimou rsrs).

Dessa vez, apresentando o novo single, “AlgorID”. Lançado no dia 27 de abril, a música fala, entre outros temas, sobre psicanálise e algoritmos.

Bateu a curiosidade? Aproveita que já tem até clipe!
Acompanhe Andressa Nunes no Instagram.

Rebecca Nora –  Labirinto

“Labirinto” é o segundo single do EP “Amor” da Rebecca Nora. A faixa lançada em 30 de abril possui elementos do lo-fi e indie pop.  

O EP, que ainda está para ser lançado, faz parte do projeto “Transmutação” que será composto por quatro EPs, seguindo uma narrativa de autoconhecimento e cura.

O primeiro da série, e também da carreira da cantora, foi lançado em 2020 e se chama “Propósito”.
Acompanhe Rebecca Nora no Instagram.

Lyra Blues – Contra Maré

Outro single que faz parte de um projeto bem maior! No primeiro semestre de 2021, Lyra inicia uma fase nova na carreira e pretende lançar quatro músicas novas. A primeira dela já está entre nós e se chama “Contra Maré”.

Fica aqui o destaque para o lyric video ilustrado do single. Amigos e colegas próximos da cantora receberam trechos da letra e tiveram liberdade de criar uma ilustração com o que eles sentissem sobre.
Acompanhe Lyra Blues no Instagram.

Cervelet – Presentes

A banda paulista Cervelet lançou a sua primeira música de 2021. “Presentes” fará parte do álbum “Remoto”, que está sendo lançado desde 2020. A faixa sucede os dois singles anteriormente lançados, “Utopias” e “Coach”.

E se tem uma coisa que essa banda está caprichando para o novo álbum, são seus clipes. As três músicas receberam clipes muito bem produzidos e assinados pelo diretor Guilherme Constant.

O vídeo de “Presentes” se passa no centro histórico da cidade de São Paulo e tem toda uma narrativa em volta da cor vermelha.

Na letra, vemos nomes de ativistas brasileiros assassinados durante a luta por direitos fundamentais.

“A canção busca homenagear alguns daqueles que lutaram por direitos e por justiça nos diferentes momentos do nosso país”, explica o compositor Tiko Previato.
Acompanhe Cervelet no Instagram.

Vida Cinza – Nada Mudou

O som neocrust/skramz no lançamento “Nada Mudou”, do projeto solo “Vida Cinza”, fala sobre estar preso em memórias e conceitos passados que mantém um loop de processos não evolutivos.

Diretamente do ABC Paulista, o projeto já conta com dois singles (“Cárcere contra o tempo”, “Dissipar”) e uma demo. Escuta que é pedrada!

Superbrava – Natural

Pop Punk? Temos também! Os paulistas da Superbrava lançaram o single “Natural” para o EP homônimo que será lançado pela Artico Music.

Segundo a banda, a música fala sobre “alguém sufocado dentro de algo que não é, que se manteve nesse padrão para agradar os outros, esquecendo-se de si. Até chegar o momento de libertação“.

O lyric video para “Natural” você confere aqui:
Acompanhe Superbrava no Instagram.

Storia – Essência

São Paulo vem marcando presença nessa leva de lançamentos, ein? Agora com o single “Essência”, da banda de post hardcore/pop punk Storia.

A faixa faz parte de um novo EP que será lançado ainda em 2021. Nas referências da banda nós temos grupos como Citizen, Bring Me The Horizon e The Story So Far.

A música fala sobre pedaços de nós mesmos que deixamos em nossos relacionamentos. E veio com clipe assinado pelo diretor Phellip Atila.
Acompanhe Storia no Instagram.

AIUKÁ – Refúgio

“Refúgio” é o primeiro single de AIUKÁ, projeto solo de Guilherme Krema, e fala sobre encontrar conforto e abrigo em meio ao caos que vivemos no Brasil afetado pela pandemia. Ela faz parte do EP “tigres vermelhos em marte caçando estrelas cadentes”, a ser lançado em breve.

AIUKÁ nasce do processo de composição de Guilherme no isolamento social em decorrência da pandemia e tem referências como AIYÉ, Boogarins e Vitor Brauer.

O EP conta com sete canções produzidas, gravadas e mixadas em seu quarto, resultando do mergulho em seu imaginário pessoal e criativo para abordar temas como solidão e afeto na pós-modernidade.
Acompanhe AIUKÁ no Instagram.

Dêhh feat. Noze – Nunca Tô Só

Fechando nossa lista, temos o novo som do beatmaker, produtor e cantor, Dêhh.

“Nunca Tô Só” tem a participação especial do Noze e é um trap de responsa vindo diretamente do Distrito Federal.
Acompanhe Dêhh e Noze no Instagram.

É isso, pessoal! O mês de abril trouxe muita coisa boa pra gente ouvir e já canta a pedra de que vem mais por aí. Fiquem seguros, cuidem dos seus e não vão dar mole por aí não. Salve!