Bus Ride Notes
Resenhas

Crazy Bastards – Selfie Entitled

Crazy Bastards é a banda mais pop punk de todas as bandas pop punk do mundo.
Quando me mostraram, pensei “curti o conceito”. A banda escolheu um gênero musical e foi detalhista. Não só no som, como artes, clipes e todo o resto.

Formada em Curitiba em 2017 por Tiago Oliveira (Vocal/Guitarra), Geanine Inglat (Vocal/Baixo) e Leandro Sousa (Bateria) em 2018 eles lançaram o primeiro disco, “Selfie Entitled”, que consiste em 18 minutos e 11 músicas de puro pop punk.

A capa é um desenho bunitinho de uma foto (selfie) da banda e pra cada música eles fizeram uma tirinha com uma interpretação gráfica da mesma, você pode ver todas no canal deles no Youtube.

Segundo o vocalista Tiago: “Esse álbum a gente focou no ‘mal uso de celular’ pelas pessoas, como estamos cada vez mais dependentes disso e os efeitos psicológicos, culturais e comportamentais que isso vem trazendo. Com uma linguagem por vezes irônica, mas a mensagem/reflexão espero que seja positiva no fim”.

A banda já tem quatro clipes, da música “Nostalgia” que mostra eles em um fliperama com direito a mergulho em piscina de bolinhas, de “Don’t Take Shit” que acompanha a letra da música mostrando um casal aconselhando o filho e termina com a banda destruindo o estúdio, da música de Natal “Bright Side” que tem a banda só tocando e se divertindo mesmo e o mais recente é da música “My Mistakes”, que é cheio de referências à clipes clássicos do gênero.

Pra mim esse pop punk clássico é pura nostalgia. Ou será que o gênero não mudou quase nada? É possível? Acho que não. De qualquer maneira, se hoje você não liga muito pro estilo, mas um dia já foi fã de Blink 182, Sum 41 e adjacentes, você vai gostar desse disco.

Assim como o disco, essa resenha foi curtinha e direta, agora vai lá ouvir ele e divirta-se.

“Selfie Entitled” está disponível nas redes de stream.